Entrar


Entrar

Prevenção do Câncer de Colo do Útero

O câncer do colo do útero, também chamado de cervical, tem a estimativa de 17.540 casos somente para 2012. Além de demorar muito tempo para desenvolver, é o segundo maior tipo de câncer que ocorre entre as mulheres e se localizadas precocemente, e obtiverem o tratamento, elas tem praticamente 100% de chance de cura.  

A Drª Audrey Tsunoda, cirurgiã oncoginecológica do Hospital de Câncer de Barretos, respondeu algumas perguntas sobre o doença e esclarece algumas dúvidas muito comuns sobre a doença.

O que é o câncer do colo do útero?

O câncer do colo do útero ainda mata muitas mulheres no país: é a segunda maior causa de câncer no país. É uma doença que pode ser prevenida. Ela é ligada ao vírus do HPV e com simples exames de papanicolaou ele pode ser detectado, mesmo sem ter nenhum sintoma.

Qual a relação entre o HPV e o Colo de Útero?

Entre os tipos de cânceres de colo-de-útero, 99,7% estão relacionados a HPV, Papiloma Vírus Humano, esse vírus é adquirido via sexual e não causa lesão, mas em algumas mulheres, principalmente as que fumam, geram alterações que podem se tornar câncer se não for tratada.

Quais são os sintomas do câncer de colo de útero?

Nas fases iniciais, o câncer de colo de útero não tem sintomas. É por isso que a detecção deve ser feito em caráter de prevenção, pois a mulher geralmente não sente nada. Em algumas fases do tumor, ele pode aumentar de volume e gerar corrimento, sangramento ou aumentar de volume ou sangramento durante as relações sexuais. Se você sentir alguns desses sintomas, não se assuste, apenas procure seu ginecologista.

Como é possível realizar o exame preventivo?

É possível fazer o exame preventivo de colo-de-útero em quaisquer unidades móveis, nas unidades físicas do Hospital de Câncer de Barretos, Unidades Básicas de Saúde, Médicos da Família ou em consultórios de ginecologia. O exame do papanicolaou é um exame indolor, muito simples de ser realizado e oferecido gratuitamente.