O Biobanco

O Biobanco do Hospital de Câncer de Barretos (BB-HCB) foi fundado em 2006 com a finalidade de estocar e processar material biológico de pacientes oncológicos, tais como tecido tumoral, sangue e seus derivados, material de citologia cervical e outros fluidos, com finalidade de pesquisa. Além disso, o BB-HCB mais recentemente passou a armazenar material biológico de indivíduos saudáveis sem câncer) como controles para diversos estudos. A coleta, estocagem e uso do material biológico é formalizada por meio de um Termo de Consentimento Livre e Esclarecido (TCLE) assinado pelo paciente/participante da pesquisa. Como as pesquisas desenvolvidas em nosso hospital não incluem apenas pacientes com câncer mas também indivíduos saudáveis/sem câncer (estudos caso-controle) foi elaborado também um TCLE para indivíduos sem diagnóstico de cancer. Ambos os termos seguem as diretrizes da Comissão Nacional de Etica em Pesquisa (CONEP). Além disso, para uso em pesquisa as amostras biológicas do BB-HCB precisam ser previamente aprovadas pelo comitê de ética da nossa instituição ou pela CONEP quando aplicável.

O BB-HCB conta com uma moderna infraestrutura de cerca de 100m². Esta área dispõe de duas salas de freezers e um laboratório de biologia molecular para o processamento de amostras e material genético. Atualmente o BB-HCB contem 10 freezers -80°C, 2 freezers -20 °C todos conectados a um sistema de alarme para monitoramente 24hs de temperatura. Para o processamento das amostras o laboratório de biologia molecular esta equipado com microdissector a laser (Leica), uma plataforma para extração automatizada de ácidos nucleicos (QIASYMPHONY), 2 sistemas de eletroforese microfluidica (Bioanalyzer e TapeStation), espectrofotômetro e fluoroespectrofotometro (Nanodrop e Quibit).

O BB-HCB tem apoiado diversos consórcios internacionais e projetos como a Rede de pesquisa Latino Americana-USA do Cancer (USLANCRN), o Cancer Genome Atlas (TCGA) e o International Genome Consortium (ICGC) por meio do uso de centenas de amostras em pesquisa. Recentemente um novo prédio para pesquisa e prevenção do Câncer esta sendo construído que contempla uma extensão do BB-HCB afim de aumentar nossa capacidade de estocagem e desta maneira contribuir mais para o desenvolvimento da pesquisa oncologica na população brasileira.